Tenho uma nova teoria.
Somos nós que mandamos nos nossos sentimentos que nascem nos nossos pensamentos que nascem no cérebro.
Logo mandamos nós no cérebro.

Agora reparemos no inverso da premissa anterior e questionemos:
Não somos nós que mandamos nos nossos sentimentos! Então quem manda?
A mesma negação para os pensamentos e cérebro.

Que tal agora?