Olhava para as estrelas, …tentava contá-las…perdia a conta…recomeço a contagem, perco de novo a conta…
…penso agora na felicidade, no sucesso, no êxito…
e surgem palavras a moer-me a consciência…e o que dá?
Um paradoxo interessante, mas complexo…
“Vou tentar vencer” vs “vou vencer tentando”

A simples interpretação é fácil de notar, (como um amigo referiu) isto é, o primeira estigma diz o que vou fazer e o segundo diz como vou vencer. Correctissimo até aqui. Agora analisemos isso a fundo, fugindo do concreto, e mergulhemos no abstracto. Como se vence tentando? Vence-se vencendo não é? Ou não? Que segurança de êxito dá a tentação? Espero opiniões vossas caros amigos da blogosfera.
Abraço.

P.S. Estive fora do mundo da blogosfera por causa dos exames na universidade. Regresso impacientemente para escrever e dar a escrever.
😉